Sexta, 11 Janeiro 2013 14:20

Culto Jovem - 05/01/2013

 

Quinta, 10 Janeiro 2013 23:29

Último Culto Jovem de 2012 - 29/12/2012

 

 

Muda o perfil da perseguição contra cristãos no mundoA missão Portas Abertas, uma organização cristã que publica anualmente uma lista de classificação de países por perseguição, mostrou mudanças no cenário mundial em 2012. A perseguição dos cristãos aumentou no continente africano desde que grupos radicais islâmicos assumiram o poder em alguns países.

As ameaças crescentes contra os cristãos africanos podem ser vistas em ataques como os atentados e assassinatos nas igrejas nigerianas realizadas pelo grupo radical islâmico Boko Haram.

Ao mesmo tempo, o Mali teve um grande salto na lista. O país nem fazia parte da classificação em 2011 e surge em 7º lugar na nova lista. O motivo é um golpe de estado no norte do país, que deixou muçulmanos fundamentalistas no poder. Segundo o porta-voz do Portas Aberta Jerry Dykstra, os cristãos locais e missionários estrangeiros estão em grave perigo.

A Coreia do Norte encabeça a lista de Portas Abertas pelo 11 º ano consecutivo. A missão estima que mais de 70 mil cristãos estão presos simplesmente por se negarem a aceitar o presidente como divindade. O simples ato de carregar uma Bíblia pode resultar em execução.

Uma das surpresas foi a China, um país que estava entre os 10 maiores perseguidores há cinco anos e caiu para n º 21 em 2011 e agora para 37º. Mesmo assim, sabe-se que centenas de cristãos chineses continuam na prisão e o governo ainda mantém um controle rígido sobre os líderes das igrejas. Embora “o confisco de Bíblias e de livros cristãos já não ocorrem mais em grande escala”, de acordo com o ministério missionário.

A Síria, que vive uma sangrenta guerra civil, saltou do nº 36 para 11º este ano, tornando-se um país de preocupação especial. No governo do presidente Bashar al-Assad, os cristãos possuem liberdade de culto, mas não podem evangelizar, de acordo com o relatório da Portas Abertas.

Ron Boyd-McMillan, diretor de estratégia de PA ressalta: “a boa notícia na Síria é que os cristãos estão mostrando uma grande unidade entre as denominações diferentes e o sofrimento os tem unido”.

O ranking anual dos 50 países leva em conta os graus de perseguição (concentrada, moderada, severa, extrema e ilimitada) e divide o contexto da perseguição em diferentes áreas: vida privada, familiar, em comunidade, nacional e com a igreja. Além de casos de violência física e outras informações que contribuem para classificar os países e determinar onde é mais difícil ser cristão.

Esse ano foi usada uma nova forma de classificar os países. O novo relatório está mais aprofundado; leva em conta o contexto e as diferenças de perseguição de acordo com as comunidades hostilizadas. A missão chama atenção para os países novos que entraram na lista depois da mudança: Mali (7ª), Tanzânia (25ª), Quênia (40ª), Uganda(47ª) e o Níger (50ª). Com informações de Religion News e Portas Abertas.

Veja abaixo a lista completa:

Fonte: Gospel Prime

Quinta, 10 Janeiro 2013 22:47

A diferença entre graça e misericórdia

 

A diferença entre graça e misericórdia“Cheguemo-nos, pois, com confiança ao trono da graça, para que recebamos misericórdia e achemos graça, a fim de sermos socorridos no momento oportuno.” Hebreus 4:16

Apesar de muitos entenderem os termos ‘graça’ e ‘misericórdia’ como sinônimos, eles possuem significados bem distintos. Ambas são encontradas no mesmo endereço: o trono da graça. Ora, se o trono é da graça, concluímos que esta tenha primazia sobre a misericórdia. Porém, para achar a graça, primeiro tem-se que obter a misercórdia. É como um protocolo. Para chegar ao rei (graça), é necessário agendar antes uma audiência com o Primeiro Ministro (misericórdia).

Este trono tem como base a retidão e a justiça (Sl.97:2), e é sustentado pelo AMOR (Pv.20:28). Ora, o trono nada mais é que uma cadeira ornamentada, ocupada por um monarca. Como tal, possui quatro pés que devem ter o mesmo tamanho e a mesma distância entre si, estando perfeitamente alinhados. Estes quatro pés são responsáveis por manter a estabilidade do trono. Eles são a representação do AMOR em suas quatro dimensões: agape, filos, eros e storge. Nenhum pé pode ser maior que o outro. O fato de serem do mesmo tamanho aponta para a justiça, e o seu alinhamento representa a retidão. Ele só é um trono de graça por ser sustentado pelo amor. Sem amor, o trono que rege o Universo precisaria de um calço, ou ficaria condenado à instabilidade para sempre.

Deixe-me explanar um pouco sobre a misericórdia: A palavra em latim é ‘misericordis’, que é a juntão de duas outras palavras, miseri (miséria) e cordis (coração). Ter misericórdia é acolher em nosso coração alguém desprovido de qualquer recurso meritório. É pela misericórdia que Deus nos acolhe em Sua presença, apesar de não merecermos.

Deus é santo, enquanto nós, pecadores. Santidade e pecado são como água e óleo, não se misturam. Se a justiça fosse o único atributo divino, estaríamos todos condenados a passar a eternidade alienados de Deus. Qualquer esforço nosso para reverter isso seria em vão. Porém Ele tomou a iniciativa, vindo ao nosso encontro, mergulhando de cabeça em nosso mundo, fazendo-Se pecado por nós. Zacarias, o pai de João Batista, expressa isso em sua canção, afirmando que foi “por causa da entranhável misericórdia do nosso Deus”, que o sol nascente das alturas nos visitou, “para iluminar os que jazem nas trevas e na sombra da morte, e dirigir os nossos pés pelo caminho da paz” (Lc.1:78-79).

A mãe hospeda seu filho em seu ventre por nove meses e sente terríveis dores para trazê-lo ao mundo. Isto é misericórdia. No início da gestação, a criança é tida como um corpo estranho dentro de sua mãe. O corpo da mãe tenta rejeitá-lo. Mas gradualmente, o corpo dela vai se ajustando, e acolhendo o pequeno corpo em formação.

Uma vez nascido, ela o amamenta, cuida, educa e lhe enche de amor. Isto é a graça!

Seu ventre é um lugar de misericórdia. Mas seus braços e seios são lugares de graça. Percebe a diferença?

 
Ouça o que Deus diz:

“Pode uma mulher esquecer-se do filho que ainda mama, de modo que não se compadeça do filho do seu ventre? Mas ainda que esta se esquecesse, eu, todavia, não me esquecerei de ti.” Isaías 49:15

- Ele não pode nos esquecer! Estamos gravados nas palmas de Suas mãos!
- Pela misericórdia, Ele nos aceita em Sua presença. Mas pela graça, Ele nos deseja.
- Sua misericórdia nos salva de Sua justa ira. Sua graça nos faz objeto de Seu amor.

Lembra da parábola do filho pródigo? Quando o pai recebe seu filho de braços abertos, sem acusá-lo de nada, isto é misericórdia. Mas quando o pai prepara uma festa para celebrar seu retorno, isto é graça. Tal qual o pródigo da parábola, todos disperdiçamos o maior de todos os dons: a vida. Por isso, todos igualmente contraímos uma dívida com o Criador. É a isso que chamamos de pecado. Jamais poderíamos pagar tal dívida. Mas Deus pagou-a ao enviar-nos Seu único Filho para morrer em nosso lugar. Isto é misericórdia. Nosso débito foi quitado.

Mas Ele fez mais: em adição ao pagamento de nossa dívida, Ele depositou uma vasta quantia em nossa conta. Saímos de uma situação de débito para uma situação de crédito.

Ele não apenas nos libertou do inferno, como também nos garantiu o céu.

Misericórdia é não dar-nos o que de fato merecemos. Graça é dar-nos exatamente o que não merecemos. O que merecemos da parte de Deus? Vida ou morte? Bênção ou maldição? Ora, se somos pecadores, merecemos a morte. Mas a misericórdia prevalece sobre o juízo. Em vez de ira, recebemos Seu amor. Em vez de morte, vida eterna.

A mesma graça deve ser nossa motivação para servi-Lo. Não fazemos o bem com a intenção de tornar-nos merecedores de Suas bênçãos. O bem que fazemos deve ter a intenção de demonstar nossa gratidão por tudo o que Ele fez por nós. Isso é graça! Nós não queremos impressioná-Lo, ou pressioná-Lo a realizar nossos desejos. Não! O que almejamos é agradá-Lo em tudo, simplesmente por amá-Lo. E por que O amamos? Porque Ele nos amou primeiro.

Se antes tínhamos uma dívida de pecado, agora temos uma dívida de gratidão.

Por causa de Sua misericórdia, estamos vivos.

Em Lamentações 3:22-23, Jeremias diz:
“As misericórdia do Senhor são a causa de não sermos consumidos, pois as suas misericórdias não têm fim. Nova são a cada manhã; grande é a tua fidelidade.”

Nossa vida está sempre por um fio! O fio da misericórdia divina. Ela é quem dá corda no relógio de nosso coração dia após dia. Cada vez que acordamos, devemos agradecer porque nosso contrato com a vida foi renovado, tendo como fiador a misericórdia.

Mas a graça vai além disso. Se por causa da misericórdia, estamos vivos, por causa da Sua graça nossa vida tem propósito.

Agora, o escritor sagrado nos convida a dirigir-nos ao trono da graça com confiança. Não auto-confiança. Mas confiantes em Sua misericórdia e graça. E o fazemos seguros de que seremos socorridos em tempo oportuno. Se Ele foi capaz de dar-nos Seu único Filho, de que mais Ele seria incapaz de dar àqueles que n’Ele confiam?

Autor: Hermes C. Fernandes Fonte: Diário Gospel
Terça, 08 Janeiro 2013 15:14

Escolha Deus

 

“Temos removido Deus das escolas” afirma ex-governador do Arkansas, sobre massacre na escola primária Sandy HookO massacre ocorrido na escola primária Sandy Hook, na pequena cidade de Newtown, Connecticut, reacendeu os debates entre personalidades e políticos norte americanos acerca do controle de armas. Porém, o ex-governador do estado do Arkansas comentou o episódio afirmando que um controle mais rígido sobre os armamentos não irá impedir novas tragédias desse tipo, e que novos tiroteios em escola não serão impedidos “a menos que se possa mudar o coração das pessoas”.

Huckabee argumentou, na Fox News, que tragédias como a do tiroteio em Sandy Hook serão evitadas apenas voltando-se para Deus, não aumentando o controle de armas.

De acordo com o Daily Mail, ele disse ainda que as autoridades têm “removido Deus das escolas”, criando ambientes que seriam propícios para esse tipo de violência.

- Perguntamos por que há violência em nossas escolas, mas nós temos sistematicamente removido Deus de nossas escolas. Deveríamos estar tão surpresos que as escolas tornaram-se um lugar para a carnificina, se nós fizemos um lugar onde não se fala sobre a eternidade, a vida, responsabilidade, prestação de contas? – questionou Huckabee.

Ex-candidato presidencial do Partido Republicano, Huckabee já expressou esta linha de raciocínio após outros massacres que aconteceram no país. Quando do tiroteio em um cinema em Aurora, Colorado, em julho, quando James Holmes matou 12 pessoas, Huckabee afirmou que tais episódios de violência foram em função de uma nação sofrendo com a remoção da religião da esfera pública.

- Nós não temos um problema de crime, um problema com armas ou até mesmo um problema de violência. O que temos é um problema de pecado – disse o ex-governador na Fox News.

Fonte: Gospel +

 

Pesquisador que encontrou o Titanic descobre evidências do dilúvio bíblicoO explorador subaquático Robert Ballard, que ficou famoso no mundo inteiro por encontrar o Titanic, falou recentemente de suas novas descobertas, que viriam a evidenciar o relato bíblico do dilúvio.

Em entrevista à Christiane Amanpour, na ABC, Ballard afirmou ter descoberto evidências de que uma civilização foi destruída por uma grande inundação que coincide com o relato bíblico. De acordo com o pesquisador, em uma pesquisa realizada na Turquia, ele encontrou evidencias de uma antiga civilização arrastada por uma inundação monstruosa

- Não se trata de um movimento lento, como o nível do mar – explicou Ballard, ao afirmar que as evidências apontam para um dilúvio.

Com o uso de tecnologia robótica avançada, sua equipe está sondando as profundezas do Mar Negro na costa da Turquia, em busca de vestígios de uma antiga civilização escondida debaixo d’água desde o tempo de Noé.

Com essa tecnologia, o pesquisador consegue “viajar” cerca de 12.000 anos atrás, em uma missão arqueológica marinha, para a época em que grande parte da Terra estava coberta de gelo. Segundo ele, que quando o gelo começou a derreter, grandes inundações poderia haver ocorrido em todo o planeta.

Ballard e sua equipe trabalham suportados pela teoria proposta por dois cientistas da Universidade de Columbia, que acreditam que o Mar Negro já foi um lago de água doce isolado, até que foi inundado por uma enorme parede de água vinda do mar Mediterrâneo. A força da água teria sido 200 vezes maior do que as cataratas do Niágara, varrendo tudo em seu caminho.

- Foi provavelmente um mau dia. Por algum momento tudo se inundou violentamente e 150.000 quilômetros quadrados de terra afundaram – afirmou o pesquisador.

Fonte: Gospel +

 

Silas Malafaia é eleito um dos 100 brasileiros mais influentes do anoPelo sexto ano consecutivo, a revista Época, ligada ao mesmo grupo que comanda a rede Globo, elegeu os “100 brasileiros mais influentes do ano”. Na edição que chega as bancas nesta segunda-feira (17), a revista  pretende mostrar quem são as “personalidades capazes de influenciar o rumo e o desenvolvimento do país”.

A exemplo do ano passado, um pastor evangélico integra a lista que também traz dois líderes católicos. O padre e cantor Marcelo Rossi, que já estava na lista de 2011, este ano aparece ao lado do arcebispo de São Paulo don Odilo Scherer,  de perfil mais conservador.

Entre os evangélicos, Silas Malafaia repete a dose. Presente nas listas de 2011 e 2012, o líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo mostra que tem se tornado uma referência também fora do meio evangélico.

Embora esteja longe de ser uma unanimidade, o Pastor Silas Malafaia aparece na categoria “Líderes”, desta vez ao lado dos ex-presidentes Fernando Henrique e Lula, além do ministro do STF Joaquim Barbosa.

Esse tipo de lista é comum em várias publicações do mundo, sendo que a mais reconhecida é a feita pela revista Times, que já listou vários pastores em outros anos. Este ano, a revista Época separou novamente as pessoas em diferentes categorias: artistas, construtores, heróis e líderes.

Embora não tenham sido divulgados os critérios usados na escolha dessas 100 pessoas, não deixa de chamar atenção o fato de recentemente Malafaia ter anunciado que existe uma campanha orquestrada para difamá-lo, que envolveria membros do PT e da imprensa.

O pastor Malafaia, que também é empresário e apresenta programas na TV há um quarto de século, sempre atrai a atenção da mídia por suas declarações contundentes. Mais recentemente tem sido retratado como um dos grandes “inimigos” do movimento gay no Brasil. Sua participação ativa nas últimas campanhas políticas também foram bastante veiculadas pela mídia.

Fonte: Gospel Prime

Segunda, 17 Dezembro 2012 11:28

Cantata Jovem 2012

Cantata Jovem 2012

 

Quinta, 13 Dezembro 2012 20:17

Culto Jovem - 08/12/2012

 

Jovens Consagrados