Culto Jovem

Culto Jovem - 28/07/2012 - Desistir, por quê?

Desistir, por quê?

Este foi o tema da mensagem pregada pelo Irmão Thiago Sales no culto, referenciada em Daniel 3. 

O rei Nabucodonosor construiu uma estátua de ouro (Dn 3.1), e ordenou aos povos e nações que deveriam se prostrar e adorar a imagem de ouro que ele levantou (Dn 3.4-5). E quem não se prostrar diante daquela imagem seria lançado na fornalha de fogo ardente (Dn 3.6).

Sadraque, Mesaque e Abede-Nego, servos de Deus não se prostraram diante da estátua do rei (Dn 3.12), e logo alguns homens caldeus foram diante do rei e acusaram os judeus (Dn 3.8). Irado, o rei mandou chamar Sadraque, Mesaque e Abede-Nego e lhes perguntou por que não serviam a seu deus? E ordenou ques os três se prostrassem diante da estátua de ouro, porém eles, fiéis a Deus não obedeceram a ordem do rei e preferiram ser lançado ao fogo ardente, sabendo que Deus os livraria do fogo e da mão do rei (Dn 3.13-17).

O rei então, muito exaltado, orddenou que o forno fosse aquecido sete vezes mais e que os homens mais fortes atassem os três e os lançassem ao fogo ardente. Porém, ao lançá-los ao fogo, estes homens fortes foram queimados. O rei, espantado, se lavantou pois vira quatro homens passeando pelo fogo sem qualquer lesão, eram Sadraque, Mesaque, Abede-Nego e o anjo do Senhor. Nabucodonosor então reconheceu o Deus de Sadraque, Mesaque e Abede-Nego e ordenou que todo o povo e nação não blasfemasse contra Deus. Além disso, fez prosperar aos três servos de Deus (Dn 3.19-30).

Diante das situações que os servos de Deus (Sadraque, Mesaque e Abede-Nego) passaram, eles não desistiram de adorar ao verdadeiro Deus, pois sabiam que Ele os livraria de todo mal. Mesmo diante dos falsos deuses, das fofocas e da ira do rei, eles permaneceram fiéis a Deus e foram livrados da morte na fornalha ardente, mostraram ao rei o poder do seu Deus e prosperaram.

Por mais difícil que seja a situação que você esteja passando, não desista. Saiba que, assim como Sadraque, Mesaque e Abede-Nego, você pode confiar em um Deus verdadeiro que não te abandonará, basta você confiar nEle.

 

Culto Jovem - 21/07/2012

Para refletir:

Salmos 126

1 Quando o  Senhor  trouxe do cativeiro os que voltaram a Sião, estávamos como os que sonham.
2 Então, a nossa boca se encheu de riso, e a nossa língua, de cânticos; então, se dizia entre as nações: Grandes coisas fez o Senhor a estes.
3 Grandes coisas fez o  Senhor por nós, e, por isso, estamos alegres.
4 Faze-nos regressar outra vez do cativeiro, Senhor, como as correntes do Sul.
5 Os que semeiam em lágrimas segarão com alegria.
6 Aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará, sem dúvida, com alegria, trazendo consigo os seus molhos.

1 João 1.7

7 Mas, se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo pecado.  

Filipenses 4.10-13

10 Ora, muito me regozijei no Senhor por, finalmente, reviver a vossa lembrança de mim; pois já vos tínheis lembrado, mas não tínheis tido oportunidade.
11 Não digo isto como por necessidade, porque  já  aprendi a contentar-me com o que tenho.
12 Sei estar abatido  e  sei também ter abundância; em toda a maneira e em todas as coisas, estou instruído, tanto a ter fartura como a ter fome, tanto a ter abundância como a padecer necessidade.
13 Posso todas  as coisas  naquele que me fortalece.  

Romanos 5.1-6

1 Sendo, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus por nosso Senhor Jesus Cristo;
2 pelo qual também temos entrada pela fé a esta graça, na qual estamos firmes; e nos gloriamos na esperança da glória de Deus.
3 E não somente  isto,  mas também nos gloriamos nas tribulações, sabendo que a tribulação produz a paciência;
4 e a paciência, a experiência; e a experiência, a esperança.
5 E a esperança não traz confusão, porquanto o amor de Deus está derramado em nosso coração pelo Espírito Santo que nos foi dado.
6 Porque Cristo, estando nós ainda fracos, morreu a seu tempo pelos ímpios.
7 Porque apenas alguém morrerá por um justo; pois poderá ser que pelo bom alguém ouse morrer.
8 Mas Deus prova o seu amor para conosco em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores.


Os textos  acima foram referenciados durante o culto.

Jovens Consagrados